Diferença entre ducha e chuveiro

Você sabe qual é a diferença entre ducha e chuveiro? Essa dúvida é bastante comum durante a construção ou a renovação do banheiro. Afinal, quais são as melhores opções disponíveis no mercado? A ZAP Imóveis esclarece as principais questões!

Qual é a principal diferença entre os dois?

A principal diferença entre ducha e chuveiro, ao contrário do que muitos pensam, está no aquecimento da água. Segundo o engenheiro civil José Roberto Scarpetta Alves, a ducha, na verdade, não esquenta a água. A água vem quente de outro lugar — aquecedor a gás, por exemplo — e a ducha apenas “espalha” a água.

Já o chuveiro, em contrapartida, possui um sistema próprio de aquecimento da água. Ele é elétrico, ou seja, usa do aquecedor ou da resistência para esquentar o banho. Essa pode ser uma boa opção para quem não quer gastar com gás, por exemplo. 

A diferença entre a ducha e o chuveiro causa confusão, principalmente, por conta da vazão de água. A ducha, por não precisar empregar energia no aquecimento, tem a capacidade de liberar uma quantidade maior de água, ou seja, tem maior vazão. O chuveiro segue pelo lado contrário, tendo menos água liberada. 

“Há alguns anos, uma marca tradicional começou a chamar de ‘ducha’ um chuveiro elétrico que tinha um jato mais forte do que o da empresa concorrente; e até hoje se associa a palavra “ducha” a um equipamento com mais vazão de água”, esclareceu José Roberto. 

Tipos de chuveiro

Esperamos que as dúvidas referentes à diferença entre ducha e chuveiro estejam sanadas. Porém, ao analisarmos o mercado, é possível perceber que há vários tipos de chuveiros disponíveis. A fim de direcionar a busca para a opção certeira, o ZAP Imóveis listou algumas das mais conhecidas.

Chuveiro elétrico comum

O chuveiro elétrico é o tipo mais comum. Ele tem a função de multitemperatura, ou seja, você pode selecionar a estação em que você está (verão ou inverno) para deixar a temperatura da água mais adequada. Se preferir, se colocá-lo no modo “desligado”, a água sairá totalmente gelada.

Chuveiro híbrido

O chuveiro híbrido é mais econômico que o elétrico, contudo ele requer que a sua casa tenha um sistema que capte a energia solar. A partir dele, você pode optar entre usar a energia elétrica ou a solar para esquentar a água. 

Chuveiro pressurizado

Já o chuveiro pressurizado é indicado para os imóveis que possuem dificuldade com a pressão da água. Ele requer um pressurizador para funcionar, assim puxando a água com mais facilidade e aumentando o volume. 

Tipos de ducha

Assim como os chuveiros, há diversos tipos de ducha disponíveis no mercado. Eles são mais comuns em países da Europa, ou até mesmo em hotéis, proporcionando um banho relaxante e até mesmo terapêutico. Vamos conhecer mais sobre eles?

Ducha de teto

A ducha de teto tem um design bastante moderno e cai muito bem como artefato de decoração no banheiro. Esse tipo de ducha é exclusivo para banheiros internos, pois não aguentam a intempéries do tempo. Você pode optar por vários formatos: quadrado, redondo ou retangular, por exemplo.

Imagem de um chuveiro com água saindo dele

Ducha com barra deslizante

A ducha com barra deslizante é diferente das duchas fixas na parede ou no teto. É possível usá-la tanto presa na parede, como também de forma móvel. Dessa forma, o seu banho se torna mais direcionado, sendo possível levar o chuveiro a qualquer região do corpo. 

Ducha com hidromassagem

A ducha com hidromassagem é o modelo mais sofisticado. Ela é um sonho a ser realizado por várias pessoas, porque ela proporciona um banho completo, com direito à massagem no corpo. A ducha conta com diversas saídas de água, que englobam o corpo inteiro, da cabeça aos pés. 

Cuidados na instalação

Agora que você já sabe a diferença entre ducha e chuveiro, é preciso ter alguns cuidados na instalação de ambos. Primeiro, veja se a pressão da água está adequada e se você possui os materiais necessários a fim de garantir que a instalação será feita corretamente.

O braço de chuveiro pode ser necessário para deixar o utensílio com uma distância confortável da parede. Certifique-se de estar garantindo um material para o braço que, assim como a ducha (ou o chuveiro), também seja de um material resistente e de muita qualidade. 

Blog do ZAP Imóveis: confira mais dicas incríveis!

Gostou de se informar mais detalhadamente sobre a diferença entre ducha e chuveiro? Confira o blog do ZAP Imóveis para mais dicas de reforma, organização e decoração. 

Visitando o site do ZAP Imóveis, você também pode encontrar o lar dos seus sonhos. Por meio dos nossos filtros de busca, você filtra os resultados de casas e apartamentos para venda ou aluguel de acordo com a sua necessidade (faixa de preço, metro quadrado, área de lazer, número de quartos e muito mais). 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais vistos

Mais lidas